Argentina - Ushuaia

Argentina - Ushuaia

Roteiro: Ushuaia em dois dias

 

Conhecida pelo adequado apelido de Fim de Mundo, Ushuaia é uma pequenina cidade localizada no extremo sul da Argentina. Há controvérsias sobre qual seja a cidade mais ao extremo sul do hemisfério, mas Ushuaia, ao que tudo indica, é aquela mais próxima do pólo sul do planeta. Nessa posição, o viajante já pode dar por certo que se trata de um lugar em que o frio é praticamente permanente. No inverno, é claro, mais que permanente, é insuportável.

 

O viajante poderá chegar a Ushuaia pelas estradas que descem o pais, mas também poderá por uma forma mais rápida e segura: pelo Aeroporto Ezeiza, na capital argentina. A viagem costuma durar alguma coisa perto de 4 horas. 

 

Ushuaia, como dissemos, é bastante pequena. Logo sugerimos um roteiro de apenas dois dias.

Primeiro dia:

 

O primeiro movimento que recomendamos é uma caminhada por aquilo que se poderia identificar como o centro da cidade. Neste local, o visitante terá acesso ao Memorial dos Mortos da Guerra das Malvinas. Trata-se de um monumento organizado em torno de um mapa vazado, repleto de nome de vítimas do conflito que envolveu, no início dos 80, argentinos e ingleses pela disputa de uma pequena e aparente desprezível ilhota. Os ingleses sairam vitoriosos e até hoje esta derrota e ocupação inglesas às portas da Argentina ainda representa uma ferida aberta para muitos hermanos.

 

Nas proximidades do centro, é possível se ter acesso ao Museu Maritmo e do Presídio de Ushuaia. Explicamos: a origem da cidade remonta a instalação de um presídio para onde eram encaminhados criminosos argentinos (uma espécie de Sibéria para os russos).

 

No centro também é possível encontrar os principais restaurantes da cidade. Logo é o local recomendado para que o almoço seja feito. O forte, como era de se imaginar, são as carnes. 

 

Após o almoço recomendamos um passeio de barco pelo Canal Beagle, por onde décadas atrás Sir Charles Darwin passou em suas investigações pelo continente americano.

 

Segundia dia:

 

Recomendamos um passeio pelo chamado "trem do fim do mundo". Se trata de um passeio muitíssimo interessante. Maiores informações poderão ser obtidas no site: www.trendelfindelmundo.com.ar/ .

 

Pós almoço, mesmo os que não são chegados ao ski, podem ir até a Cerro Castor, estação de ski da cidade. A paisagem é belíssima, no mínimo boas fotos poderão ser feitas ali.

 

Ahh não deixe de comprar bons vinhos argentinos a preços mais que atraentes.

 

Matérias relacionadas:

 

O fim do mundo: Ushuaia: laura-no-mundo.webnode.com/news/o-fim-do-mundo-ushuaia-argentina/

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!