Café inglês: saudades do Brasil

11/04/2014 19:44

 

Depois de comer pizza na Itália pude perceber que nós, brasileiros, nacionalizamos a pizza. Ela tem um sabor e textura que muito difere daquela feita pelos italianos. Com o café se pode dizer o mesmo para a Inglaterra. 

 

Em matéria de café ninguém pode dizer que não tenhamos tradição. Há um século e meio ele é artigo central em nossa vida. Já teve posição mais importante em termos comerciais, mas no dia-a-dia continua sendo uma espécie de espinha dorsal da cultura brasileira. Não é que o nosso café - ou melhor, nosso jeito de tomar café - seja melhor do que o de outros povos. O que ocorre é que é diffente.

O café inglês, sempre fortíssimo, pode ser tranquilamente diluido em água, sem que deixemos de chamá-lo pelo mesmo nome. Sempre tive a impressão de que cada xícara de café tomado na Inglaterra me custaria uma semana sem sono, tal a concentração de cafeína. Faz inveja aos recursos que os caminhoneiros brasileiros usam para se manter acordados em suas grandes jornadas pelas estradas do pais. 

É claro, como já dissemos, que tudo é uma questão de cultura e paladar. O fato é que não estamos acostumados com um café tão desagradavelmente forte e encorpado. O café francês, ao contrário, se aproxima muito do café brasileiro. Já os ingleses.... experimentem para ver.

 

Cafe Costa, Londres, janeiro de 2014.