A temporada de caça já chegou! Passagens aéreas por milhagens

19/03/2017 12:09

 

Quem nos acompanha virtualmente sabe que temos um bom ritmo de viagens. Como viajantes crônicos, temos ininterruptamente há cinco anos construido um bom arquivo de lembranças e memórias em viagens nacionais e internacionais. Parte dessas experiências só foram possíveis porque temos uma rotina que, organizadamente, permite e viabiliza o acúmulo de milhagens e pontos que, depois, são cuidadosamente convertidos em passagens aéreas. Muitos foram os destinos financiados por esse tipo de expediente: Argentina, Chile, Uruguai, Portugal, Reino Unido (Inglaterra, Escócia e Irlanda do Norte), Alemanha, França e muitos outros destinos. Quer saber exatamente como? Aqui temos maiores informaçõeslaura-no-mundo.webnode.com/news/como-viabilizar-viagens-internacionais/

 

O simpático aeroporto Ronald Reagan, em Washington, DC (outubro de 2016)

 

O motivo desse contato é para lembrar aos interessados que a temporada de caça às passagens por milhas já começou. A Latam, por exemplo, acabou de fechar a primeira grande janela para embarque no final do ano. Por essa janela vimos, por exemplo, bilhetes ida e volta, partindo do Rio de Janeiro, para Berlim por apenas 80 mil pontos multiplus. Considerando o fato de ser um percurso longo e com duas conexões (Rio-São Paulo/Frankfurt-Berlim), nos pareceu uma excelente opção. Falando em Berlim, acabamos de chegar de lá! Nossos comentários: laura-no-mundo.webnode.com/products/berlim/

 

Nós, na frente do Reichtag, em Berlim (janeiro de 2017)

 

Aliás, aqueles que pretendem viajar para a Europa não deixem de prestar atenção para as entradas historicamente mais em conta, são elas: (1) Alemanha (Frankfurt). Já viajamos duas vezes, por 80 mil pontos, para Frankfurt. Essa é uma entrada muito boa para quem tem a pretensão de esticar a viagem até o leste. Fizemos esse percurso e não nos arrependemos, vejalaura-no-mundo.webnode.com/news/roteiros-que-deram-certo-leste-europeu/

 

Frankfurt, janeiro de 2017

 

Uma outra opção, que também já fizemos uso, é (2) Londres. Londres, como todos sabem, não é uma cidade exatamente barata, mas sempre nos deparamos com bilhetes com milhagens generosas. Fora da alta estação é possível encontrar bilhetes por menos de 80 mil pontos ida e volta. Aqui nossa experiência no Reino Unidolaura-no-mundo.webnode.com/news/roteiros-que-deram-certo-reino-unido/

 

Nós, em Londres (janeiro de 2013)

 

(3) Espanha também costuma se apresentar como uma possibilidade de entrada generosa no Velho Continente. A notícia ruim é que Paris e Lisboa, dois destinos muito procurados por brasileiros, não costumam ter bilhetes por milhagens com valores muito generosos. Falamos "costuma" porque, vez e outra, é possível encontrar boas opções, mas é preciso ficar muito atento e monitorar a oferta, pois não costumam durar muito.

 

Esse ai cabe muita gente!

 

Enfim, aqueles com pontos disponíveis e interessados em embarcar até o final do ano, fiquem de olho!

 

E boa viagem!